Outras Trilhas

Qual é a sua bússola?

Caso Raposa/Serra do Sol pode abrir precedentes perigosos

Advogada indigena Joênia Batista Carvalho faz defesa da reserva no STF

Advogada indígena Joênia Batista Carvalho faz defesa da reserva no STF

“Nós somos acusados de ladrões e invasores dentro de nossa própria terra. Isso precisa ter um fim”, disse. “Estão em jogo os 500 anos de colonização. Por que só nós temos que ter nossa terra retalhada?”

O argumento é a da advogada indígena Joênia Batista Carvalho, da etnia wapichana, que representa quatro comunidades que vivem na reserva Raposa/Serra do Sol, em Roraima. Foi publicada pela Folha Online.

Joênia ocupou a tribuna do plenário do STF (Supremo Tribunal Federal) que começou hoje o julgamento da constitucionalidade do decreto assinado em 2005 pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva demarcando a reserva Raposa/Serra do Sol.

A Folha, aliás, em sua busca pela imparcialidade, publicou na mesma nota uma tabela (ver abaixo) com o clássico “prós e contras.” Sim, é importante esclarecer o tema para os leitores. Mas a tabela está longe de refletir a complexidade do problema, principalmente em relação à questão indígena.

Para entender o caso, vale a pena ouvir e ler gente que entende a questão. Sugiro, por exemplo, a leitura da entrevista de Eduardo Viveiros de Castro. Dica da amiga e antropóloga Lea Tomass.

Informação direto da fonte? Acesse o website do Conselho Indígena de Roraima (CIR)

Não há dúvidas que o tema é delicado. Mas é sempre importante lembrar que, caso o resultado seja desfavorável à demarcação contínua da reserva, poderá abrir precedentes perigosos para a defesa dos direitos dos povos indígenas em todo o país.

Anúncios

agosto 27, 2008 - Posted by | Outros alvos | , , , , , , , , , , ,

3 Comentários »

  1. Olá,
    trabalho com direitos indígenas e gostaria muito de entrar em contato com a Sra. Joênia Batista Carvalho. Tens como me passar o email dela?

    Comentário por Juliana | agosto 27, 2008 | Resposta

  2. Olá Juliana,

    Joênia Batista Carvalho trabalha com o CIR. Seguem os dados para contato:

    CIR (Conselho Indígena de Roraima)
    Av. Sebastião Diniz, 2630, São Vicente
    CEP 69303-120
    Telefone: 0055 XX 95 3224-5761
    Fax: 0055 XX 95 3624-2452

    Email geral: cir.@terra.com.br

    Departamento Jurídico: cirjuri@terra.com.br

    http://www.cir.org.br/participar.php

    Boa sorte!

    Comentário por outrastrilhas | agosto 27, 2008 | Resposta

  3. Caros Leitores,
    sou îndio tariano, acadêmico de direito pelo Universidade do Estado do AM. Este marco histórico que a conterânea Advogada Joenia está fazendo serve de estímulo e esperança de que nós também podemos conseguir lugar ao sol (ou sombra?). Emocionamos ao ver Joenia fazendo sustentaçao oral na mais ao Corte do país. Sim, é Ela, Joenia, uma wapichana, com todo orgulho, uma índia. Espara-se que STF não “rasgue” nossa Constituição com a sua decisao na qual inumeros povos lutam por dias melhores, que não se repitam os 500 anos de massacre e genocídio.

    Comentário por Adelson Goncalves, Tariano | agosto 28, 2008 | Resposta


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: